Página Inicial » Inscrições Científicas » Trabalhos

Dados do Trabalho


Título

SINAL DE CHILAIDITI: RELATO DE CASO

Fundamentação/Introdução

Sinal de Chilaiditi é a apresentação isolada e assintomática, da interposição temporária ou permanente do cólon ou intestino delgado no espaço hepatodiafragmático, evidenciado pela radiografia de tórax ou abdome. Quando associado a sintomas, como dor abdominal, dor retroesternal, náuseas e vômitos, sintomas respiratórios, distensão abdominal é chamada de Síndrome de Chilaiditi

Objetivos

Conhecimento do sinal de Chilaiditi que é uma entidade rara, de achado radiológico incidental e tratamento conservador que pode se confundir com entidades que requerem tratamento imediato.

Delineamento/Métodos

J.D.L, 82 anos, sexo masculino, apresentou quadro de náuseas, vômitos e mal estar, sendo admitido no Hospital SOCOR-Belo Horizonte MG, em julho de 2017, devido piora significativa do quadro. Sem relatos de constipação intestinal ou dor abdominal associados. Ao exame clínico, apresentava-se desidratado, hipocorado, com presença de crepitações difusas a ausculta pulmonar. Realizado revisão laboratorial, com evidencia de hiponatremia, sem outras alterações relevantes. Realizada radiografia de tórax e identificado congestão pulmonar e interposição de alça intestinal no espaço hepatodiafragmático. Iniciado correção de distúrbio hidroeletrolítico e tratada congestão pulmonar, com boa resposta clínica e laboratorial. Solicitado nova radiografia de tórax em duas incidências, mantendo imagem radiológica descrita e paciente sem qualquer outro sintoma.

Resultados

A incidência de interposição de alça colônica ou de delgado no espaço hepatodiafragmático (sinal de Chilaiditi), é de aproximadamente 0,025% a 0,28 % na população, sendo mais comum em homens acima de 60 anos. Sua causa ainda é desconhecida, mas provavelmente ocorre por alterações anatômicas entre fígado, intestino e diafragma. A síndrome de Chilaiditi em geral é tratada de modo conservador, enquanto patologias que se apresentam como seu diagnóstico diferencial requerem abordagem rápida.

Conclusões/Considerações finais

É importante o conhecimento do sinal de Chilaiditi, na prática clínica, principalmente no diagnóstico diferencial de quadro graves que nos remetem a cirurgia de urgência como o pneumoperitônio.

Palavras Chaves

Chilaiditi, sinal de Chilaiditi, síndrome de Chilaiditi,

Área

Clínica Médica

Instituições

Autores

Cassia Aparecida silva, Livia Correa Valadares, Natanny Rabelo Alvares, Ana Carolina Ferreira Gomes, Fernando Falavigna


Fechar

Promoção

SBCM

Realização

SBCM MG
ABRAMURGEM

Patrocínio Ouro

UNIFENAS

Patrocínio Prata

Unimed - BH

Patrocínio Bronze

CUREM
SENIOR VILLAGE

Apoio

IPSEMG
TAKEDA

Agência de Turismo

Belvitur

Organização

Attitude Promo

Agência Web

Sistema de Gerenciamento desenvolvido por Inteligência Web

14º Congresso Brasileiro de Clínica Médica e 4º Congresso Internacional de Medicina de Urgência de Emergência

MINASCENTRO - Belo Horizonte/MG | 04 a 06 de Outubro de 2017