Página Inicial » Inscrições Científicas » Trabalhos

Dados do Trabalho


Título

AMILOIDOSE CARDÍACA SENIL: RELATO DE CASO

Fundamentação/Introdução

Introdução/Fundamentos: Amiloidose representa grupo de doenças que se caracterizam por depósito extracelular de proteínas fibrilares insolúveis em tecidos ou órgãos e sua classificação se baseia no tipo de proteína amiloide e na sua relação com formas clínicas, acometendo principalmente rins, coração e sistema nervoso. Amiloidose Sistêmica Senil (ATTRwt) está relacionada à idade e o coração é órgão mais afetado.

Objetivos

Objetivo: Relatar caso de ATTRwt que deve ser considerada no diagnóstico diferencial de cardiopatias com aumento da espessura miocárdica.

Delineamento/Métodos

Relato de Caso

Resultados

Descrição do caso: Masculino, 79 anos. Quadro de dispnéia aos moderados esforços e emagrecimento (6Kg) há 7 meses, ortopnéia e edema de membros inferiores (MMII) há 3 semanas. História pregressa: hipotiroidismo, hipertensão arterial sistêmica de início recente. Exame físico: eupneico. Índice de Massa Corporal 21Kg/m2. Ictus com desvio da linha média, ritmo cardíaco irregular, sopro sistólico mitral ++/6. Ausculta pulmonar: estertores crepitantes bibasais. MMII: edema bilateral +/4. Laboratório: aumento do peptídeo natriurético cerebral. Eletrocardiograma (ECG): baixa voltagem nas derivações periféricas, bloqueio divisional antero-superior, sobrecarga atrial esquerda, alteração de repolarização parede lateral. Radiografia de tórax: área cardíaca e vascularização pulmonar aumentados. Ecocardiograma: Ventrículo esquerdo (VE) com hipertrofia simétrica importante, aspecto granular brilhante, dilatação leve da cavidade e disfunção sistólica, fração de ejeção VE 35% devido hipocinesia difusa; hipertrofia de Ventrículo Direito (VD); espessamento das valvas mitral, aórtica e tricúspide; regurgitação mitral moderada, tricúspide leve; pressão sistólica da artéria pulmonar 45mmHg. Ressonância magnética cardíaca: aumento bi-atrial; ventrículos de tamanho normal; espessamento parietal difuso importante do VE, acentuado no septo interventricular basal; espessamento moderado do VD; realce tardio padrão heterogêneo, difuso em VE e VD, acometendo principalmente subendocárdio, sem relação com topografia coronária; sugestivo de amiloidose cardíaca. Investigação negativa para amiloidose primária. Quadro compatível com ATTRwt.

Conclusões/Considerações finais

Conclusões/Considerações Finais: Este caso ressalta a importância da hipótese diagnóstica de amiloidose nas cardiopatias com aumento de espessura miocárdica associado a ECG com baixa voltagem, de forma a obter um diagnóstico precoce para tratamento específico.

Palavras Chaves

Palavras-chave:amiloidose cardíaca, ecocardiograma, ressonância magnética cardíaca.

Área

Clínica Médica

Instituições

Faculdade de Medicina de Campos - Rio de Janeiro - Brasil

Autores

Alan Silva Martins, Kissila Silva Pereira, Thiago Burgarelli, Laís Riscado Saldanha, Márcia Azevedo Caldas


Fechar

Promoção

SBCM

Realização

SBCM MG
ABRAMURGEM

Patrocínio Ouro

UNIFENAS

Patrocínio Prata

Unimed - BH

Patrocínio Bronze

CUREM
SENIOR VILLAGE

Apoio

IPSEMG
TAKEDA

Agência de Turismo

Belvitur

Organização

Attitude Promo

Agência Web

Sistema de Gerenciamento desenvolvido por Inteligência Web

14º Congresso Brasileiro de Clínica Médica e 4º Congresso Internacional de Medicina de Urgência de Emergência

MINASCENTRO - Belo Horizonte/MG | 04 a 06 de Outubro de 2017